Ocidentalismo

por Leandro Oliveira

O fim da Agenda Viva Música

Ontem foi publicada oficialmente a mensagem de despedida do guia “Agenda Viva Música”, que por cerca de treze anos contribuiu para o serviço de informação da produção clássica carioca. A mais que valente Heloísa Fischer fez o que pode, mas a realidade se impôs: impossível gerir uma agenda mensal com a falta de planejamento dos gestores que – atenção! – a cada número vem se tornando maior. Em sua mensagem de despedida, Heloísa diz:

A premissa de qualquer roteiro de programação cultural – seja música, teatro ou cinema; seja em meio impresso ou on-line – é dispor sempre dos dados corretos para então orientar o público interessado. Quando ajustes de datas e preços, trocas de artistas ou repertórios e cancelamentos de última hora tornam-se corriqueiros, eles simplesmente inviabilizam este trabalho.

Impressiona que mais de dez anos após o projeto da Osesp, que pretendia, isso dito deliberadamente por John Neschling, finalmente mudar os termos de profissionalização da música no país, vejamos que o quadro não apenas não se alterou mas ainda vem piorando; e isso, mesmo numa grande cidade como o Rio de Janeiro. São Paulo, com sua excelente sala de concertos, a programação dos Theatro Municipal e Theatro São Pedro, além das sociedades promotoras (Cultura Artística e Mozarteum), segue sendo um bastião singular nos termos de produção e consumo da música clássica nacional. No Rio, infelizmente, a OSB não mostrou o mesmo papel galvanizador. Resta torcer para que a reinauguração da Sala Cecília Meireles não infrinja no erro, o resistente dilema da falta de cultura administrativa.

Lindo Rio, pobre Rio…

por Leandro Oliveira

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 6 de janeiro de 2015 por em gestão cultural, Resenha e marcado , , .

Últimos tweets

No ocidentalismo não salvamos almas. Alimentamos os peixes para passar as horas…

Agenda de posts

janeiro 2015
S T Q Q S S D
« dez   fev »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Siga Leandro Oliveira no Facebook

%d blogueiros gostam disto: