Reaprendendo a pensar

Há tempos declarei guerra santa – Jihad! – à ignorância. À ignorância em geral, mas também e sobretudo à minha própria, com a qual nasci e contra a qual luto por toda a vida. Pois se as bestas nascem e desde o primeiro dia gato é gato, cão é cão, cavalo é cavalo, os homens,… Leia mais Reaprendendo a pensar